Academia Orlando Cani | Bioginástica
16832
page,page-id-16832,page-template-default,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-6.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.5,vc_responsive
Bioginástica

Nosso mundo está cheio de ideias e conceitos, de valores e crenças, que nos têm separados uns dos outros, de nós mesmos, da vida mesmo. Se não pusermos confiança absoluta nas extraordinárias sensações do corpo, se “pensarmos em vez de sentir”, bloqueamos o corpo, etc. A crença de que a mente está separada do corpo, de que um controla o outro, deforma nossa naturalidade e espírito criativo. Porém, se aprendermos a sentir a nós mesmos e ao nosso corpo, poderemos aprender a perceber o processo de todas as coisas. Então o movimento corporal seguirá naturalmente, simplesmente como uma projeção do que está ocorrendo.
Evidentemente temos que partir de onde estamos. Estamos neste corpo pouco dominado, mal conhecido, não treinado, em sua maior parte entregue ao inconsciente, corrompido e deformado em muitas de suas qualidades naturais. Então a primeira coisa é conscientizar o corpo, começando, simplesmente, a lembrar, a invocar a consciência de suas partes, seus membros, seus funcionamentos primários, seus músculos, sua energia, suas possibilidades de movimentação, o que será, em suma, uma indagação, uma investigação. Tudo isto, de maneira bem didática e elementar. Ponhamo-nos em contato com o corpo, procuremos realizar movimentos primários, simples, naturais, cotidianos, movimentos pequenos e no fundo banais do corpo, inerentes a ele, desde sempre nele existentes, mas nunca até agora feitos com profunda consciência e concentração.
Exercícios educacionais, autoeducacionais: treinemos o deitar na cama, o levantar da cama, o subir na escada e o descê-la, o carregar uma cadeira, o caminhar e etc. Não uma ginástica para emagrecer, não uma técnica pretensiosa de dança, como também nenhum desenvolvimento supra-volumoso de músculos – nada disto: comecemos flexionar e estender o tronco, a verificar a postura do pescoço e a fazer a energia fluir, coloquemo-nos na posição ereta; flexionamos e estendemos a perna, levantamos um braço, alongamos a coluna e a encolhemos e assim por diante. Nada de grande, nada de ambicioso! E o que crescerá para nós através disso dependerá da nossa consciência, da paciência que tivermos conosco, com ele, nosso corpo, que durante tantos anos, decênios, foi deixado de lado, pouco olhado, pouco reconhecido em seu valor e direitos naturais. E com surpresa veremos como ele se assume, como ele acorda, lembra-se, conscientiza-se, sinta-se, torna-se forte, redescobrindo o muito que pode e como reside nele uma juventude irreprimível, uma coisa maravilhosa, uma luz, real, única. É com vista nisso que iniciamos o trabalho. Nele não há mistério, absolutamente: é elementar, simples. Quem quer, pode, como? Através de uma reestruturação corporal global com a Bioginástica.

Conceito

A Bioginástica é um método desenvolvido pelo prof. Orlando Cani, fundamentado no Yoga, Artes Marciais, expressão corporal e Meditação. Ensina a utilizar a força, flexibilidade, resistência e agilidade de maneira espontânea e criativa, com foco na consciência corporal e no controle da respiração. Proporciona o autoconhecimento do corpo, atingindo o equilíbrio psicomotor como um todo.

Benefícios
  • Incentivo à prática pessoal;
  • Desenvolvimento das valências físicas e motoras, como força, resistência,
  • Flexibilidade, equilíbrio, agilidade e coordenação neuromuscular;
  • Aprimora o controle da respiração e o aumento da concentração;
  • Estimula a intuição, criatividade e iniciativa;
  • Dissolução das tensões e do estresse físico, mental, emocional;
  • Capacidade de recuperação;
  • Melhoria na relação saúde/ trabalho/ rendimento;
  • Manutenção de um corpo ágil e sadio;
  • Consciência Corporal.
Outras Atividades
HathaYoga
Hatha Yoga

Saiba mais sobre Hatha Yoga e veja nossa grade de atividades.

Visitar Página